Comportamento

Não se case com uma pessoa com estes 15 hábitos, segundo especialistas

Casamento é o sonho de muitos, é uma realização.

No altar, é prometido amar, respeitar por toda vida.

Por isso, escolher a pessoa com quem você vai trocar alianças e formar uma família é uma das escolhas mais importantes da sua vida.

O casamento é um compromisso, onde nos é dada a responsabilidade sobre sentimentos do nosso parceiro(a).

A partir do momento em que casamos, não vivemos mais apenas para nós mesmos. A forma de tomar decisões muda, agora temos que consultar nosso parceiro para chegarmos em um acordo.

O casamento deve ser visto como uma parceria, onde tudo que o envolve deve ser encarado como um trabalho em equipe. Da vida de solteiro para a de casado tudo muda, principalmente quando chegam os filhos.

Dito isto, separamos uma lista de comportamentos que são inadequados para quem pretende viver uma vida a dois.

Se a pessoa que você escolheu para formar uma família tem algum desses comportamentos, tenha cuidado!

Lembre-se que mesmo que agora pareça “suportável”, o casamento é um projeto a longo prazo, e com o passar dos anos, as coisas podem ficar ainda mais difíceis.

Veja a lista abaixo:

1 – Pessoas de mente fechada e orgulhosas

Tome cuidado com pessoas de mente fechada e orgulhosas, que nunca admitem estarem erradas. Pessoas assim dificilmente se submetem a novas experiências e quase nunca admitem seus erros. Conviver com alguém assim pode lhe trazer muito estresse com o passar do tempo.

2 – Odeia animais

Segundo psicólogos, pessoas que odeiam animais ou os fazem mal sem motivos algum têm problemas mais complexos dentro delas. Se você notar que seu parceiro é grosseiro e agressivo com animais sem motivo algum, tome muito cuidado.

3 – Não segue as regras

Se seu parceiro é daquele tipo de pessoa que tem dificuldade para seguir regras, seja no ambiente de trabalho, em relacionamentos ou em sua vida social, isso é um fator agravante.

Se imagine convivendo com uma pessoa que sempre faz tudo diferente do que foi acordado entre vocês, ou que de última hora muda de ideia…

4 – Não tem palavra

Se a pessoa não consegue cumprir simples promessas feitas no dia a dia, qual garantia você terá de que ela cumprirá as mais importantes delas, feitas no altar?

Casamento exige confiança!

5. Não faz do relacionamento sua prioridade

Devemos ter cautela com pessoas que colocam o trabalho, amigos ou hobbies acima do próprio relacionamento. No casamento, os parceiros devem se entregar de forma plena, não parcial. E quando há apenas uma pessoa se entregando por inteiro no relacionamento, isso acaba gerando um desgaste.

Cada um tem sua individualidade e devemos respeitar isso, mas quando decidimos nos casar, decidimos também priorizar nosso cônjuge.

6 – É o dono da razão

Imagine passar anos da sua vida com alguém que nunca consegue admitir um erro? É extremamente difícil e desgastante conviver com pessoas que têm dificuldades em admitir que estão erradas e pedir desculpa.

Para manter uma boa convivência, sempre alguém tem que ceder em algum ponto – e quando isso é feito apenas por uma pessoa, não é legal.

7 – Se desculpa por tudo

Se é ruim conviver com pessoas orgulhosas que nunca pedem desculpa, o mesmo acontece quando convivemos com pessoas que pedem desculpa por tudo, mas insistem em cometer os mesmos erros. Também há aquelas pessoas que já veem no pedido de desculpas um trunfo para continuar errando.  

8 – Muitas brigas

Em um relacionamento, divergir e discutir de vez em quando é normal, mas quando isso se torna frequente e sai do controle, devemos ligar o sinal de alerta.

Excesso de brigas é um claro indicativo de que o relacionamento deixou de ser saudável.

9 – Não se abre com você

Se seu parceiro não dialoga com você e fala pouco sobre ele, tome cuidado. Isso pode ser um sinal de timidez, mas também pode indicar que ele está escondendo algo.

10 – Mentiroso compulsivo

Se seu parceiro costuma mentir com frequente mesmo nas pequenas coisas, isso é um indicativo que isso também poderá acontecer sobre coisas mais sérias. E se isso for relativizado e relevado sempre, se tornará um hábito.

Evite pessoas mentirosas, a confiança é um dos pilares de um casamento saudável.

11 – Ciúmes em excesso

Quem ama sente ciúmes, mas devemos tomar cuidado. Quando o ciúme é excessivo, é hora de repensar se vale a pena conviver com uma pessoa assim. Um ciumento excessivo pode se tornar um potencial agressor. Muitos dos casos de violência entre casais têm como principal motivo o ciúme excessivo.

12 – Não se dá bem com sua família

O casamento é a união de pessoas e famílias. Os parceiros devem respeitar as famílias um do outro. Se seu parceiro a todo momento fala mal da sua família e tenta te jogar contra ela, é provável que você tenha problemas no futuro.

13 – Fumante

Não só o fumo, mas também bebidas alcóolicas em excesso podem causar conflitos e gerar estresse. A longo prazo o fumo pode também gerar problemas graves, tanto para a saúde da própria pessoa, como também para a sua e dos seus filhos.

Se for possível evitar, evite!

14 – Se comporta como uma criança

Conviver com uma pessoa imatura pode te dar muita dor de cabeça. Você deixa de ser esposo(a) e passa a ser quase um pai ou mãe da pessoa.

15 – Não te respeita

Pessoas violentas devem ser evitadas a todo custo. Respeito é um dos pilares do casamento, e se seu parceiro não te respeita, é hora de você repensar se realmente vale a pena se casar com essa pessoa.

Em um relacionamento, todo tipo de violência deve ser evitada, seja física ou verbal. Dito isto, não se case com este tipo de pessoa.

LER MATÉRIA COMPLETA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo