Comportamento

Estamos vivendo uma era em que as pessoas esqueceram a importância do toque físico

Recentemente, a humanidade mudou a visão que ela tinha em relação ao contato físico. Abraçar alguém hoje é uma raridade.

A pessoas se acostumaram a manter distância das outras. Os cientistas explicam que isso pode causar danos à nossa saúde mental, porque a sociedade como um todo esqueceu o significado do toque físico.

Nossa saúde emocional depende do toque físico. Sem fisicalidade, nosso bem-estar mental pode sofrer e nos fazer sentir deprimidos, isolados e até ansiosos.

Um simples abraço muitas vezes é suficiente para melhorar a nossa saúde mental.

O University College London fez um estudo mostrando que um toque gentil pode beneficiar as pessoas e fazê-las sentir-se incluídas em sua vida social. 

Um exemplo da necessidade de toque humano é a princesa Diana, sendo a primeira figura pública importante que apertou a mão de alguém que foi diagnosticado com AIDS.

Ela sabia que esse ato simples, porém ponderado, pode fazer a pessoa se sentir confortável e ajudá-la em suas dificuldades. Ela também inspirou as pessoas a abraçar aqueles que sofriam da doença, o que levou à diminuição do preconceito contra pessoas que sofriam com a doença.

No entanto, pelo fato de se falar muito sobre assédio, o abraço hoje virou um tabu. Existem casos em que os pais adotivos têm muito medo de abraçar seus filhos adotivos.

Os médicos foram ameaçados de serem processados ​​por abraçarem seus pacientes em busca de conforto.

Mesmo quando uma criança cai e se machuca, outros pais ficam com muito medo de buscá-la e ajudá-la.

Os professores também são avisados ​​de que, durante o horário escolar, se uma criança cai e se machuca, os professores precisam pedir que eles mesmos se levantem.

Com isso, demonizamos absolutamente o toque. Não importa quão sincero ou inocente seja, ele pode desencadear reações ruins de pessoas diferentes.

Estamos desesperados por abraços

Nossa sociedade esqueceu como o contato humano é vital. No entanto, há pessoas que se recompensam pelo carinho que estão perdendo por seus entes próximos.

Essas pessoas encontram conforto nos profissionais que são pagos para abraçar alguém.

Existem empresas que administram esse tipo de profissional com o qual as pessoas podem escolher com quem desejam se abraçar em um menu de abraços. Um desses negócios é o centro de varejo Cuddle Up To Me.

Também foram inventadas máquinas que podem substituir o toque físico que falta às pessoas.

Uma dessas máquinas é a cadeira de tranquilidade que foi inventada no Japão. Tem braços macios e, quando você se senta, envolve os braços ao redor da pessoa.

Essa necessidade de toque físico entrou em crise. 

 A importância do contato físico está sendo completamente descartada. Como resultado, muitas pessoas estão sofrendo de doenças mentais.

O que você acha? O toque físico precisa ser normalizado novamente? Ou precisamos mantê-lo como está e ter limites e limitações extremas ao contato físico?

Compartilhe com seus amigos e familiares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar